quarta-feira, 27 de junho de 2012

Os primeiros sintomas

Junho de 2007

Um dia enquanto estava na casa de banho descobri que tinha uma pequena mancha rosácea na glande do pénis. Estranho! Pensei que fosse um fungo qualquer e então apliquei uma pomada fungicida com a convicção de que iria passar.

Mas não passou e decidir ir ao médico.
O médico desconfiou erradamente que eu me tivesse metido por caminhos tortuosos e mandou-me fazer exames a São Ciro na Lapa.

Os exames serológicos deram todos negativo tal como eu esperava.
Fui então consultado por uma médica que me receitou a pomada Elocom, à base de cortisona.
Apliquei a pomada segunda as indicações e a mancha desapareceu.

Passados dois meses a mancha voltou a aparecer. Voltei a aplicar a pomada mas a mancha estava difícil de desaparecer. Decidi voltar à médica em São Ciro, com a qual tive o seguinte diálogo:

        - O Sr. sabe o que é um ataque de caspa?
        - Sim, já ouvi falar - respondi eu.
        - É o que o Sr. vai ter se não mudar de vida. Esse stress em que o Sr. vive vai dar cabo de si.
        - Então?
        - Então, daqui a um tempo vai começar a ter caspa com fartura.
        - E que faço? - perguntei eu.
        - Agora não há mais nada a fazer. Aplique a pomada e mude de vida.

Tinha na altura uma loja com duas empregadas, tinha o negócio da ASCMI e dava aulas de marketing e publicidade no IADE. Andava sempre a correr dum lado para o outro.

Apliquei a pomada e mantive o ritmo.

Sem comentários:

Enviar um comentário